Sugestões aos Oradores
A organização da conferência contratou uma equipa de intérpretes profissionais para assegurar a comunicação entre os delegados provenientes de diferentes línguas e culturas. Para muitos delegados, a sua voz será a voz dos intérpretes. Por esta razão, pedimos a sua atenção para algumas sugestões que nos poderão ajudar a transmitir a sua mensagem integral e correctamente.

Lembramos que os intérpretes APIC seguem um rigoroso código de ética profissional onde a confidencialidade é rigorosamente respeitada, pelo que não tema entregar-lhes documentos confidenciais. Se desejar os seus documentos ser-lhe-ão devolvidos.

1 - Se falar de improviso, fale normalmente, mas se preferir ler um texto, leia pausadamente. Lembramos que a velocidade de leitura normal é de cerca de 100 palavras por minuto ou 3 minutos por página de 30 linhas.

2 - Se preparou um texto escrito ou notas que pretende seguir, assegure-se de que os intérpretes dispõem de uma cópia. Lembre-se de que um texto escrito só poderá ser correctamente interpretado se os interpretes dispuserem de cópias.

3 - Se a sua comunicação é de elevado nível técnico, forneça aos intérpretes toda a terminologia e/ou documentação de que dispuser, se possível em todas as línguas da conferência.

4 - Se pretende projectar diapositivos ou powerpoints, assegure-se de que os intérpretes têm uma cópia de todas as projecções. As cabines estão muitas vezes afastadas do ecrã e será uma grande ajuda poder ter o texto debaixo dos olhos.

5 - Se pretende projectar filmes, lembre-se de que estes só poderão ser interpretados se houver ligação directa do som às cabines, se o texto do guião tiver previamente sido entregue aos intérpretes e se a velocidade do discurso corresponder à velocidade de leitura normal. Assegure-se junto do Secretariado de que estas condições estão preenchidas.

6 - Antes de falar, assegure-se de que o seu microfone está ligado. Não bata no microfone, e, por favor, não sopre para verificar o seu funcionamento. Um simples "Bom dia" é suficiente para verificar se o microfone está ligado.

7 - Não fale demasiado perto do microfone e não deixe o seu auricular ligado junto do microfone pois pode provocar interferências e "feed-back" desagradáveis para todos.

8 - Se durante a sua comunicação pretende deslocar-se, peça aos técnicos de som que lhe instalem um microfone de lapela.

9 - Se precisa de ouvir a interpretação, não se esqueça de pedir um auricular.